Livro Homem-Aranha Superior – Meu Pior Inimigo – leia ainda hoje

Livro Homem-Aranha Superior – Meu Pior Inimigo

UMA NOVA ERA PARA O ESCALADOR DE PAREDES!
Peter Parker lutou a vida inteira para tornar o mundo um lugar melhor, mas sua história terminou de maneira dramática, com um sacrifício final. Agora, seu arqui-inimigo, o Dr. Octopus, tomou seu corpo, suas memórias e sua vida.

Livro Homem-Aranha Superior - Meu Pior Inimigo - leia ainda hoje
Livro Homem-Aranha Superior – Meu Pior Inimigo – leia ainda hoje

Otto Octavius é o Homem-Aranha e está determinado a se mostrar superior ao seu falecido oponente em todos os sentidos – uma nova postura que garante ao Amigão da Vizinhança um inusitado admirador e defensor: o prefeito J.

Jonah Jameson!! Mas Otto logo descobre que a vida de herói não é nada fácil, e um de seus primeiros desafios é enfrentar o reformado Sexteto Sinistro! E mais: o Homem-Aranha e Mary Jane reunidos! O retorno do Abutre! E quantas pessoas precisam morrer antes do Homem-Aranha Superior matar um supervilão? Este volume de 124 páginas reúne as edições 1 a 5 de Superior Spider-Man.’

História do homem aranha

Homem-Aranha (Spider-Man no original em inglês) é um personagem fictício, um super-herói que aparece nos livros de banda desenhada americanos publicados pela Marvel Comics, existindo no seu universo partilhado. O Homem-Aranha foi criado pelo editor/escritor Stan Lee e pelo escritor/artista Steve Ditko, e a sua primeira aparição foi no livro de antologia Amazing Fantasy #15 (Agosto de 1962), durante a Era de Prata da banda desenhada. Lee e Ditko conceberam o personagem como um órfão, que foi educado e criado pela sua Tia May e o seu Tio Ben, e enquanto adolescente, ter que lidar com as lutas diárias normais da sua idade, em adição aquelas que tem como combatente do crime mascarado. Para combater os seus inimigos, os criadores deram-lhe super força e agilidade, a habilidade de conseguir trepar na maior parte das superfícies, a possibilidade de disparar teias de aranha através de mecanismos montados nos pulsos (inventados por ele próprio, a que ele chama “disparadores de teia” – “web-shooters“) e consegue reagirprecognitivamente ao perigo com o seu “sentido-aranha” (“spider-sense“). A maior parte dos seus poderes foi adquirida depois de ter sido mordido por uma aranha comum radioactiva.

Quando o Homem-Aranha apareceu pela primeira vez, no inicio da década de 1960, os adolescentes nos livros de banda desenhada de super-heróis, eram habitualmente relegados para papeis secundários, comocoadjuvantes do protagonista. A série Spider-Man abriu um novo território ao apresentar Peter Parker, o estudante do Ensino Superior por detrás da identidade secreta do Homem-Aranha, com as suas “auto-obsessões com a rejeição, inadaptações e solidão”, algo com que os leitores mais jovens se podiam identificar.Apesar de ter todas as características de um coadjuvante, ao contrário de outros heróis adolescentes como Bucky e Robin, o Homem-Aranha não tem nenhum super-herói mentor, como o Captain America e o Batman; teve que aprender sozinho que “com grande poder tem de vir sempre uma grande responsabilidade” — uma frase incluída no último painel da primeira história do Homem-Aranha, mais tardeatribuída retroactivamente ao seu Tio Ben.

A Marvel fez aparecer o Homem-Aranha em várias séries de banda desenhada, a primeira das quais, e a mais longa, com o nome The Amazing Spider-Man. Ao longo dos anos, a personagem Peter Parker desenvolveu-se de um rapaz da escola secundária tímido e lerdo, para um conturbado estudante da universidade, para um professor casado, e no final da década de 2000, um fotografo independente (freelancer), o seu papel de adulto mais típico. Na década de 2010, junta-se aos Avengers e aos Fantastic Four, duas das equipas de super-heróis mais populares da Marvel. Na história de 2012–2014, Peter Parker morre enquanto a sua mente está no corpo do seu inimigo Dr. Octopus; Octopus vive depois dentro do corpo de Parker, ficando com o papel de Homem-Aranha em The Superior Spider-Man, até regressar ao seu próprio corpo. Separadamente, a Marvel também publicou livros com versões alternativas do herói, incluindo Spider-Man 2099, que conta as aventuras de Miguel O’Hara, o Homem-Aranha do futuro; Ultimate Spider-Man, que conta as aventuras do adolescente Peter Parker num universo alternativo; e Ultimate Comics Spider-Man, que fala do jovem Miles Morales, que toma o manto do Homem-Aranha depois deste ter supostamente morrido em Ultimate.

O Homem-Aranha é um dos super-heróis mais populares e mais bem sucedidos comercialmente. Como personagem símbolo e mascote da Marvel, já apareceu em inúmeras formas de media, incluindo em várias séries de televisão animadas e ao vivo, tiras de jornais sindicados, em videojogos e numa série de filmes em que Tobey Maguire interpreta o herói na trilogia original. Andrew Garfield ficou com esse cargo depois de ter sido dado um reinicio aos filmes. Reeve Carney desempenhou o papel de Homem-Aranha no musical da Broadway, Spider-Man: Turn Off the Dark. O Homem-Aranha tem sido bem recebido como personagem de banda desenhado bem como super-herói. Quase sempre reconhecido como a personagem de topo da Marvel Comics, é geralmente classificado como um dos maiores personagens de banda desenhada de todos os tempos, juntamente com Superman e Batman, da DC Comics. A Empire colocou-o no quinto lugar na lista dos “50 Melhores Personagens de Sempre da Banda Desenhada”, a Wizardcolocou-o em terceiro numa lista feita para o seu website. tal como o IGN no seu Top 100 dos “Melhores Heróis de Sempre da Banda Desenhada”, atrás do Superman e do Batman.

PESO 0.42 Kg
PRÉ-VENDA Sim
EDITORA Panini Comics
I.S.B.N. 9788542603507
ALTURA 26.00 cm
LARGURA 17.00 cm
PROFUNDIDADE 1.20 cm
NÚMERO DE PÁGINAS 124
IDIOMA Português
ACABAMENTO Capa dura
CÓD. BARRAS 9788542603507
ANO DA EDIÇÃO 2016
AUTOR Camuncoli, Giuseppe; Slott, Dan; Elson, Richard

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *