Seus cabelos também têm fome | Projeto Mulher

Royalty Free
Royalty Free

Quer ter cabelos lindos, macios e brilhantes? Coma direito. “Respeitar as necessidades nutricionais do organismo contribui para a nutrição capilar e a irrigação do couro cabeludo, primeira frente a ser atacada para manter a saúde dos cabelos”,  diz o tricologista e cirurgião capilar Adriano Almeida, do Instituto de Pesquisa e Tecnologia de Cabelo e Pele (IPTCP) e Diretor da Sociedade Brasileira do Cabelo. “Como as estruturas capilares são sensíveis às modificações alimentares, a nutrição adequada é fundamental para a recuperação de problemas de cabelos”, completa.

Os nossos hábitos alimentares influenciam diretamente na saúde dos cabelos. Alguns exemplos:

  • A carência de vitamina F (ácidos graxos essenciais) causa uma desorganização no processo de queratinização do couro cabeludo, estimulando o aparecimento da caspa
  • A deficiência de cálcio faz com que o cabelo fique frágil e quebradiço
  • A falta de vitamina H, que faz parte do complexo B, altera o ciclo de crescimento do cabelo, aumentando a duração da fase da queda natural dos fios

Como se tudo isso não bastasse, ainda há a influência da poluição, dos raios ultravioletas e da vida sedentária. Mas onde conseguir o aporte adequado de nutrientes essenciais para a saúde dos cabelos?

Nutricosméticos

Os suplementos orais, ricos em aminoácidos, zinco, ômega 3, cisteína e biotina, ajudam a recuperam a vitalidade do cabelo e são coadjuvantes dos medicamentos e tratamentos estéticos. Eles foram desenvolvidos para compensar a carência de nutrientes. “São ativos especiais que surgiram para combater as moléculas que degeneram as células sadias do organismo, repondo possíveis deficiências causadoras de rugas, unhas fracas, flacidez, queda de cabelo, entre outros problemas estéticos”, explica o cirurgião capilar.

Alimentos

A dieta deve ser rica em proteínas (carne, peixe, ovos, iogurte), verduras e frutas, sementes oleoginosas (amêndoas, nozes, castanhas), leguminosas (feijões, ervilha, lentilha) e cereais integrais (aveia, linhaça, centeio).  E mais importante do que ingerir grandes quantidades de um determinado alimento para obter, por exemplo, zinco e cobre, é procurar a sinergia de todas as vitaminas e minerais.

Cápsulas vitamínicas

Os complexos vitamínicos também funcionam para fortalecer cabelos, principalmente quando a queda de cabelo já está instalada. Mas são indicados só se houver deficiência nutricional específica.

Cosméticos

Além de usar o xampu e condicionador próprios para o seu tipo de cabelo, pode-se usar loções capilares à base de ativos específicos para cada caso: vasodilatadores (aumentam a microcirculação local), estimulantes do crescimento capilar, fortalecedores e regeneradores do bulbo capilar, antioxidantes, antisseborreicos, antimicóticos, antiandrogênicos, antissépticos, cicatrizantes, antibióticos, hormônios, etc.

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *